Transportes

Conheça Stan, o primeiro robô manobrista do mundo

Estacionar o carro é, sem sombra de dúvidas, uma das maiores dores de cabeça de qualquer condutor, seja ele novato ou bastante experiente. Não há nada mais entediante do que dirigir o veículo em círculos intermináveis ​​à procura de uma vaga para estacionar. Que falta faz um manobrista, não?

Às vezes, simplesmente não há lugares onde deixar o carro. Outras vezes, até enxergamos uma vaga ao longe, mas, quando estamos próximos de chegar lá, alguém já tomou o lugar. E, ainda, existem aquelas situações em que os próprios motoristas não respeitam as delimitações das vagas e acabam ocupando o espaço de dois veículos.

É preciso muita paciência, não é mesmo? Mas não se preocupe: há uma luz no fim do túnel.

O primeiro robô manobrista do mundo

A startup francesa Stanley Robotics acaba de criar o primeiro robô manobrista do mundo. O sistema automatizado, carinhosamente batizado de Stan, pretende minimizar o tempo desperdiçado pelos motoristas em busca de um espaço para estacionar e evitar a execução de manobras complicadas que podem espremer os veículos entre si.

manobrista 01

A equipe da Stanley Robotics passou dois anos projetando e desenvolvendo a máquina para torná-la capaz de estacionar veículos automaticamente, isto é, sem precisar de auxílio humano. Os resultados dos esforços culminaram em um robô 100% elétrico com a capacidade de estacionar 30.000 automóveis em um único ano.

manobrista 02

Período de testes

A Stanley Robotics se reuniu recentemente com o Groupe ADP para implementar o serviço no aeroporto Charles de Gaulle, em Paris (França). O robô deverá ficar em período de testes por alguns meses, para que eventuais erros e/ou falhas no sistema possam ser corrigidas antes de se oferecer o serviço em larga escala.

manobrista 03

O estacionamento automatizado funciona da seguinte forma: o motorista, através do aplicativo desenvolvido pela Stanley Robotics, faz a reserva prévia de sua vaga. Depois, é só chegar ao estacionamento do aeroporto, se deslocar até a seção da garagem específica para a qual foi direcionada e confirmar a reserva em uma tela sensível ao toque.

manobrista touch

O motorista tranca seu carro e leva as chaves consigo, já que o robô Stan não precisa delas para agir. Além disso, o sistema está diretamente conectado com os detalhes do voo do motorista. Assim, quando ele retornar de viagem, o automóvel estará de volta na garagem pronto e esperando.

Segundo Edward Arkwright, Diretor-Executivo do Groupe ADP, a opção pelo estacionamento automatizado revela a intenção do aeroporto em olhar para o futuro e buscar a satisfação dos viajantes. O serviço garantiria aos clientes mais conforto, uma melhor gestão do tempo e menos estresse antes de viajar.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Redação

Futuro Exponencial é um site que se dedica a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Comentários no Facebook