profissões
Negócios

As 15 profissões do futuro no campo da Internet das Coisas

A relação foi elaborada pela organização NASSCOM e pelo Boston Consulting Group

A organização NASSCOM e o Boston Consulting Group uniram forças para analisar 8 campos tecnológicos e imaginar como será o futuro do trabalho. O estudo resultou na elaboração de uma lista com 55 (cinquenta e cinco) profissões que ganharão relevância nos próximos anos.

Em post anterior, o Futuro Exponencial apresentou as 16 profissões do futuro no campo da Realidade Virtual (leia aqui). Hoje, iremos revelar as 15 profissões no campo da Internet das Coisas. Vamos lá?

Profissões do futuro

profissões internet das coisas

1. Analista de negócios

Profissional que busca encontrar oportunidades de negócios, analisar tendências do mercado, criar novos produtos e recriar produtos existentes. O analista de negócios está sempre procurando novos caminhos para a empresa.

profissões business

O analista de negócios está sempre procurando novos caminhos para a empresa (Crédito: Shutterstock)

2. Analista de segurança de informações

Profissional que detecta e impede ameaças cibernéticas na empresa, descobrindo as fraquezas da infraestrutura (software, hardware e redes). Dedica-se a encontrar maneiras de proteger arquivos digitais e sistemas de informação contra acesso, modificação e/ou destruição não autorizados.

3. Arquiteto de dados

Profissional responsável pela arquitetura (desde sistemas de bases de dados até a modelagem dos dados e sua manutenção) e administração dos dados (manutenção dos modelos e dicionários de dados) de uma organização.

4. Arquiteto de soluções

Profissional que se dedica a entender os problemas de uma empresa para propor a melhor solução tecnológica às necessidades do negócio. O arquiteto de soluções ajuda os programadores e gerentes de projetos na concepção e planejamento de projetos de qualquer tipo.

5. Cientista de dados

Profissional com habilidades técnicas (principalmente nas áreas de matemática, ciência da computação e análise de tendências) que busca resolver dificuldades e descobrir os problemas complexos que precisam ser resolvidos.

6. Desenvolvedor de aplicativos

Profissional responsável pela criação de códigos que originam programas e sistemas para smartphones e tablets, sistemas operacionais de computador, jogos e programas para gerenciar contas correntes, entre tantos outros.

profissões app

O desenvolvedor de aplicativos cria códigos que originam programas e sistemas para smartphones (Crédito: Shutterstock)

7. Desenvolvedor de plataforma

Profissional familiarizado com sistemas operacionais específicos e componentes de hardware. Trabalhar na plataforma principal de uma empresa para criar e otimizar funcionalidades e estabelecer uma forte infra-estrutura de computadores.

8. Designer

Profissional que desempenha atividade especializada de caráter técnico-científico, criativo e artístico para elaboração de projetos de design, usando técnicas para produção gráfica, criação de logotipo e identidade visual, ilustração, animação, stop motion, motion graphics, animação, entre outros.

profissões designer

O designer usa técnicas para produção gráfica, criação de logotipo e identidade visual (Crédito: Shutterstock)

9. Designer de interface/experiência do usuário

Profissional que antecipa as necessidades do usuário para garantir que a interface contenha elementos de fácil acesso e utilização. Enquanto o designer de experiência (UX) está mais preocupado com a experiência do usuário, o designer de interface (UI) está preocupado com a maneira como o usuário alcançará esta experiência.

10. Engenheiro de testes (Internet das Coisas)

Profissional responsável por conduzir testes em softwares em redes e sistemas com a finalidade de verificar se todos os componentes utilizados estão funcionando perfeitamente.

11. Engenheiro de visão computacional

Profissional que também desenvolve softwares, mas, durante a construção dos programas, utiliza sistemas artificiais inteligente para interagir e aprender sobre os usuários, como é o caso do Machine Learning.

12. Engenheiro de design de hardware

Profissional que participa do processo de desenvolvimento de um novo hardware lançado pela empresa da qual faz parte, contribuindo nas várias etapas do projeto, tais como concepção, produção e reprodução.

13. Engenheiro de suporte em nuvem

Profissional que auxilia a empresa no armazenamento, acesso e compartilhamento de dados na rede, monitorando alertas de segurança e oferecendo suporte a soluções na nuvem através de plataformas específicas.

profissões cloud

O engenheiro de suporte em nuvem auxilia a empresa no armazenamento de dados na rede (Crédito: Shutterstock)

14. Especialista em rede wireless

Profissional que garante a estabilidade e a integridade dos serviços de rede sem fio internos. Supervisiona a instalação, monitoramento, manutenção, suporte e otimização de todos os hardware, software e links de comunicação da rede de área local sem fio (WLAN).

15. Programador de sistemas embutidos

Profissional responsável pela programação de sistemas embutidos (embedded systems), que consistem em sistemas dedicados a tarefas específicas. O programador poderá aumentar ou reduzir o tamanho, dispondo ou não de mais recursos, conforme a necessidade.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Futuro Exponencial é um site dedicado a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade. Contate-nos: contato@futuroexponencial.com

Comentários no Facebook