Educação

Conheça Pip, o console portátil que ensina crianças a programar jogos e aplicativos

O dispositivo foi desenvolvido pela empresa Curious Chip

A empresa Curious Chip desenvolveu um console portátil que ensina crianças a programar seus próprios jogos e aplicativos. Denominado Pip, o dispositivo adota uma abordagem interativa de aprendizagem, com tutoriais rápidos e divertidos sobre os conceitos básicos da codificação.

Pip é equipado com Raspberry Pi, um pequeno computador projetado para ensinar programação aos usuários de forma divertida e prática. O aparelho possui ainda uma tela sensível ao toque, oito luzes LED programáveis​, um microfone, alto-falantes e sensores de movimento.

Nós queríamos fazer algo que ensinasse habilidades de codificação com hardware real. Era importante para nós que as pessoas pudessem usar as habilidades aprendidas com Pip para continuar inventando além de nossa plataforma. – Sukhvir Dhillon (CEO da Curious Chip)

Pip 01

Pip adota adota uma abordagem interativa de aprendizagem (Crédito: Curious Chip)

Pip, o console que ensina crianças a programar

Primeiro, os usuários se familiarizam com o dispositivo jogando games conhecidos, como Pac-Man e Minecraft, ou outros jogos da plataforma online. Depois, iniciam um tutorial para codificar seus jogos e aplicativos, usando idiomas de codificação como Javascript, HTML e Python.

Pip 02

Primeiro, os usuários se familiarizam com o dispositivo jogando games conhecidos (Crédito: Curious Chip)

Embora seja inicialmente destinado a crianças, o console foi projetado para se adequar a todas as idades e a todos os níveis de tecnologia. De acordo com Jason Frame, Diretor de Tecnologia da Curious Chip, o objetivo de Pip é, em síntese, ensinar a todos como a tecnologia funciona no interior:

Nós fizemos o Pip para que as pessoas pudessem mergulhar com facilidade e aprender como a tecnologia funciona no interior, capacitando-as para assumir o controle da tecnologia.  Jason Frame

Pip 03

Depois, os jovens iniciam um tutorial para codificar seus próprios jogos e aplicativos (Crédito: Curious Chip)

Outras iniciativas

Pip não é o único dispositivo criado com objetivo de ensinar as crianças a codificar. Em 2016, a empresa Primo Toys, com sede em Londres, lançou um conjunto de jogos de madeira para ensinar os princípios básicos da programação a crianças de 3 anos da idade, sem o uso de telas.

Em janeiro de 2017, a Lego anunciou um kit para construção e programação de robôs, com a finalidade de incentivar crianças (de 7 anos ou mais) a aprender codificação. O kit Lego Boost permite aos usuários montar brinquedos com os tijolinhos clássicos, a partir de uma variedade de elementos programáveis.

Financiamento coletivo

Com objetivo de ajudar crianças a aprender os conceitos básicos da codificação, a empresa Curious Chip iniciou uma campanha de financiamento coletivo no Kickstarter para viabilizar a produção dos dispositivos, tendo arrecadado US$ 48,052 até o momento, superando a meta inicial imposta (US$ 40,295).

Se tudo correr bem com a produção, Pip deverá ser comercializado no Reino Unido até o final de 2018.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Futuro Exponencial é um site dedicado a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade. Contate-nos: contato@futuroexponencial.com

Comentários no Facebook