Transportes

Novo drone de carga da Boeing pode transportar mais de 200 kg

A empresa aeroespacial norte-americana Boeing desenvolveu um novo drone gigante capaz de transportar até 227 quilos de carga útil. O protótipo de serviço pesado, que levou menos de três meses para ser projetado e construído, promete revolucionar o futuro da entrega de mercadorias.

A Boeing completou, com sucesso, os testes iniciais de voo do drone. A máquina recebeu um nome técnico bastante extenso: electric vertical-takeoff-and-landing unmanned cargo aerial vehicle. Em tradução livre: veículo aéreo de carga não tripulado elétrico de decolagem e aterragem vertical.

O novo drone de carga da Boeing

O modelo saiu de uma folha de papel a um protótipo funcional em menos de três meses. Alimentado por um sistema de propulsão elétrica, o novo drone é equipado com oito lâminas contra-rotativas (rotação em torno do mesmo eixo, mas em direções opostas) que permitem o voo vertical. Em síntese, um octocóptero.

boeing 01
Só para ilustrar: o protótipo levou menos de três meses para ser construído (Crédito: Boeing)

O protótipo mede 4,57 metros de comprimento e 5,49 metros de largura. Além disso, 1,22 metros de altura e pesa 339 quilos. Em resumo, todas essas configurações o tornam capaz de suportar até 227 kg. Para se ter uma ideia de contexto, drones convencionais como o modelo DJI Phantom 4 PRO mal conseguem gerenciar 2 quilos.

O futuro da entrega de mercadorias

A Boeing é considerada a maior empresa aeroespacial do mundo e a principal fabricante de aviões comerciais. Mas a empresa pretende também conquistar espaço no mercado de veículos elétricos de decolagem e aterragem vertical (eVTOL). A máquina voadora representa um passo importante na estratégia da empresa:

Temos a oportunidade de realmente mudar as viagens aéreas e os transportes, e vamos voltar a olhar para este dia como um passo importante nessa jornada. – Greg Hyslop (Diretor de Tecnologia da Boeing)

boeing 02
Em resumo, o protótipo é capaz de transportar até 227 kg de carga útil (Crédito: Boeing)

Os engenheiros da Boeing estão transformando o protótipo em um avião autônomo funcional, que pode inclusive ser aprimorado para transportar até o dobro de carga. A tecnologia abre possibilidades para a entrega de bens de alto valor, missões autônomas em ambientes remotos ou perigosos, e outras aplicações.

O protótipo ainda está longe de ser um produto comercial. Mas tem potencial para moldar o transporte aéreo autônomo. Enfim, drones “octocópteros” poderão transformar a maneira como carregamos mercadorias e cargas pesadas no futuro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Redação

Futuro Exponencial é um site que se dedica a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Comentários no Facebook