Tecnologia

Esta nova lanchonete usa robôs para preparar hambúrgueres

Na próxima semana, será inaugurada em São Francisco (Califórnia) uma inovadora hamburgueria automatizada. Intitulada Creator, a lanchonete será equipada com duas máquinas inteligentes capazes de preparar, cozinhar e montar até 120 hambúrgueres por hora – a um custo para o consumidor de US$ 6.

Compostos por cerca de 7.000 peças, incluindo centenas de sensores, cada um dos robôs terá 6 metros de comprimento. Dessa maneira, os dispositivos montarão todas as refeições dos clientes, acompanhando o ritmo de um típico restaurante fast food. E tudo isso com praticamente nenhuma intervenção humana.

Creator, a lanchonete automatizada

O restaurante foi idealizado por Alex Vardakostas e Steven Frehn. O primeiro, um apaixonado por hambúrgueres desde os 9 anos de idade. O segundo, um engenheiro mecânico capaz de construir de tudo. Assim, a amizade improvável entre os dois resultou em um ambicioso desejo: moldar o futuro do fast food.

lanchonete 01
Todos os pedidos serão realizados por meio de um aplicativo (Crédito: Aubrie Pick)

Conforme a dupla, a Creator será inaugurada na próxima quarta-feira (27). Assim, os idealizadores estão confiantes de que a eficiência robótica, aliada a técnicas secretas de chefs famosos, resultarão no melhor hambúrguer da Califórnia. E tudo por um preço relativamente acessível ao consumidor: US$ 6.

Como a “mágica” acontece

Em princípio, todos os pedidos serão realizados por meio de um aplicativo. Como o app ainda não foi lançado, os primeiros clientes receberão assistência de consultores humanos. Eventualmente, os clientes poderão personalizar o cozimento e o tempero de seus hambúrgueres, além de adicionar temperos e molhos.

Feito o pedido, a pressão do ar empurra o pão através de um tubo. O pão, então, desliza sobre uma correia transportadora até a máquina de preparação. Uma vez lá, o dispositivo corta e coze o pão na hora, inserindo-o em uma bandeja. O próximo passo é calibrar o recheio com cuidadosas quantidades de molho.

lanchonete 02
O preparo do lanche leva em torno de cinco minutos (Crédito: Aubrie Pick)

O pão, então, segue o trajeto em uma esteira rolante, recebendo molhos de todo tipo. Tomate e cebola são fatiados e automaticamente acrescidos ao preparo. Enfim, é despejado o queijo e, é claro, o hambúrguer. Passados cinco minutos, o lanche está pronto para consumo, sem nenhuma intervenção humana.

O futuro do fast food

O lançamento da lanchonete está deixando a mídia em polvorosa, ressuscitando a já clássica pergunta: os robôs irão mesmo roubar os nossos empregos? De acordo com o Alex Vardakostas, ao menos a atividade de montagem e preparo dos hambúrgueres não necessitará de qualquer funcionário humano na Creator:

Nosso dispositivo não é feito para tornar os funcionários mais eficientes. É para evitá-los totalmente. – Alex Vardakostas

Mas a lanchonete precisará de funcionários para realizar a manutenção das máquinas, reabastecer os ingredientes, limpar e gerenciar o espaço, e aconselhar os clientes. Em síntese, a Creator terá nove funcionários trabalhando durante o “horário de pico” – número padrão na indústria de fast food convencional.

Seja como for, a máquina é a concretização do sonho de Vardakostas de criar a cozinha robótica do futuro. Se bem sucedida, poderá incentivar outros restaurantes a adotá-la. Embora não tenha planos de licenciar a máquina, o cofundador não descarta reavaliar a questão depois que o restaurante abrir oficialmente.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Redação

Futuro Exponencial é um site que se dedica a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Comentários no Facebook

Leia também

Fechar