Sustentabilidade

Noruega poderá abrigar a primeira cidade-aeroporto sustentável do mundo

Os escritórios de arquitetura Haptic Architects e Nordic Office of Architecture revelaram planos para construir uma cidade sustentável ao lado do aeroporto de Oslo, na Noruega. Oslo Airport City (OAC) será inteiramente alimentada por energias renováveis e nela todos os veículos serão elétricos e autônomos.

Com a ambição de se tornar a “primeira cidade-aeroporto com energia positiva”, OAC abrangerá uma área total de quatro milhões de metros quadrados (988 acres). A cidade usará apenas energia autoproduzida para funcionar, comercializando o excesso de eletricidade com as comunidades mais próximas.

Uma cidade-aeroporto sustentável na Noruega

A nova cidade-aeroporto será equipada com dispositivos de autoiluminação para ruas e edifícios, sistemas de segurança e tecnologias de gestão de desperdícios. OAC será também bastante acessível: os moradores não precisarão usar qualquer forma de transporte; tudo estará ao alcance de uma caminhada.

Noruega 01
A cidade será totalmente alimentada por energias renováveis (Crédito: Haptic Architects e Nordic Office of Architecture)

Assim, o centro da cidade será totalmente livre de carros. Isso será possível, em grande parte, pela conveniência inata da cidade. Os carros elétricos estarão à disposição sempre que os moradores quiserem se deslocar para distâncias maiores. Para essas situações, serão também projetadas rotas de ciclismo.

Esta é uma oportunidade única para projetar uma nova cidade a partir do zero. Usando estratégias robustas de planejamento urbano, como walkability, densidades apropriadas, fachadas ativas e um centro sem carros, combinados com os últimos desenvolvimentos em tecnologia, poderemos criar uma cidade verde e sustentável do futuro. – Tomas Stokke (Diretor da Haptic Architects)

Noruega 02
Apenas carros elétricos serão usados ​​dentro da cidade (Crédito: Haptic Architects e Nordic Office of Architecture)

Mais do que um conceito inteligente, autossustentável e limpo, OAC pretende se tornar uma cidade plenamente habitável. À medida que cresce o quadro de funcionários do aeroporto de Oslo (com projeção de dobrar o número até 2050), a cidade poderá ser um local perfeito para acomodar as famílias dos trabalhadores.

Noruega 03
OAC será também bastante acessível aos moradores e visitantes (Crédito: Haptic Architects e Nordic Office of Architecture)

Como desenvolvedores urbanos de longo prazo com foco em soluções sustentáveis ​​e inovadoras, acreditamos que o futuro do desenvolvimento da cidade do aeroporto na Noruega e Oslo não é uma questão de se, mas quando. – Thor Thoeneie (Diretor-gerente da OAC)

Noruega 04
OAC abrangerá uma área total de 988 acres (Crédito: Haptic Architects e Nordic Office of Architecture)

A construção da primeira etapa da cidade deverá iniciar no final de 2019, com previsão para concluir os primeiros edifícios até 2022. Ao todo, a conclusão da OAC levará aproximadamente 30 anos, mas o aeroporto de Oslo planeja operar sua primeira frota de veículos elétricos a partir de 2025.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Redação

Futuro Exponencial é um site que se dedica a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Comentários no Facebook

Leia também

Fechar