Ciência

NASA revela imagens incríveis da atmosfera de Júpiter

Juno, a sonda espacial da NASA que está orbitando Júpiter desde julho de 2016, completou com sucesso sua décima volta sobre a atmosfera agitada do planeta. Todos os instrumentos científicos da aeronave, incluindo a JunoCam, estavam em operação durante o voo, coletando dados que agora estão sendo retornados à Terra.

Durante os voos (flybys), a sonda capturou imagens incríveis e hipnotizantes do maior planeta do sistema solar. É possível ver tempestades furiosas, nuvens em tons impressionantes e tornados tão maciços que poderiam engolir várias Terras inteiras. Confira a seguir os registros da sonda Juno:

1. O hemisfério sul de Júpiter em detalhes

Esta imagem foi tirada em 24 de outubro de 2017, quando Juno realizou o seu nono voo na órbita de Júpiter. No momento em que a imagem foi tirada, a sonda espacial estava a 33.115 quilômetros das partes superiores das nuvens do planeta, a uma latitude de menos 52,96 graus.

Júpiter 01
Crédito: NASA

2. Tempestade furiosa no hemisfério norte

Esta imagem foi capturada pela Juno em 24 de outubro de 2017, durante sua nona volta sobre Júpiter. A fotografia mostra uma tempestade maciça e furiosa no hemisfério norte do planeta. No momento do registro, a sonda espacial estava 10.108 quilômetros das partes superiores das nuvens.

Júpiter 02
Crédito: NASA

3. Nuvens em tons impressionantes no hemisfério norte

A sonda espacial Juno capturou esta imagem em em 24 de outubro de 2017, durante o fechamento de sua nona volta sobre Júpiter. A fotografia registra um sistema de nuvem no hemisfério norte do planeta, tendo sido tirada quando a aeronave estava a cerca de 13.604 quilômetros das partes superiores das nuvens.

Júpiter 03
Crédito: NASA

4. Nuvens turbulentas e tornados no hemisfério norte

Juno registrou as nuvens turbulentas e tornados no hemisfério norte de Júpiter em 16 de dezembro de 2017. No momento em que a imagem foi registrada, a sonda espacial estava a 13.345 quilômetros acima das coberturas das nuvens do maior planeta do sistema solar.

Júpiter 04
Crédito: NASA

5. Nuvens coloridas no hemisfério sul 

A fotografia a seguir foi tirada em 16 de dezembro de 2017, quando a aeronave Juno realizou sua décima volta sobre a atmosfera de Júpiter. No momento do registro da imagem, a sonda espacial estava a cerca de 13,604 quilômetros das partes superiores das nuvens do planeta.

Júpiter 05
Crédito: NASA

6. O norte tormentoso de Júpiter 

A imagem a seguir foi tirada em 16 de dezembro de 2017, quando Juno realizou sua décima volta sobre Júpiter. No momento em que a fotografia foi registrada, a sonda espacial estava passando pelo hemisfério norte do planeta, a 8.787 quilômetros do topo das nuvens tormentosas.

Júpiter 06
Crédito: NASA

7. O hemisfério sul de Júpiter

Esta imagem do hemisfério sul de Júpiter foi capturada pela sonda espacial Juno em 16 de dezembro de 2017, também durante a décima órbita. A fotografia foi tirada quando a aeronave da NASA estava a 30.970 quilômetros das partes superiores das nuvens do planeta.

Júpiter 07
Crédito: NASA

A sonda espacial Juno foi lançada em 5 de agosto de 2011, na base de lançamento de foguetes Cape Canaveral Air Force Station, na Flórida (EUA). A aeronave está estudando as auroras de Júpiter, para aprender mais sobre as origens, a estrutura, a atmosfera e a magnetosfera do maior planeta do sistema solar.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Redação

Futuro Exponencial é um site que se dedica a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Comentários no Facebook