2018
Negócios

Faça a diferença em 2018!

O novo mundo exige protagonismo, alta taxa de aprendizagem e velocidade

Em época de planejamento para 2018, nossos modelos de planejamento continuam lineares. Olhar para trás para pensar para frente, hesitar, temer, arriscar o mínimo, esperar. É mais do mesmo, e isto nos afasta ainda mais do mundo do futuro e da inovação disruptiva, cada vez mais acelerada.

Aulas, palestras, cursos passivos, onde o conteúdo pronto e repetitivo é derramado passivamente sobre a audiência, gera apenas insegurança, angústia e sensação de baixa competência.

Tem se tornado comum encontrar pessoas afogadas no mar de informações exageradas à disposição na Internet. Pouca profundidade, todo mundo falando de tudo, e poucos sinalizando um caminho para a conexão com a realidade atual e com as trilhas de aprendizado individualizado.

Aprendemos fazendo, observando, experimentando e analisando.

Como tornar 2018 um pouco diferente

Decidi escrever em capítulo o que pode servir como sugestão de roteiro para o leitor do Futuro Exponencial, e tornar 2018 um ano um pouco diferente. Ao planejar, seja simples, objetivo, escolha algo relevante que esteja a seu alcance. Desafie a si mesmo decidindo não entrar no ano novo com os mesmos desejos de sempre.

2018 wood

Não entre no ano novo com os mesmos desejos de sempre (Crédito: Shutterstock)

Apure seus reais desejos

O que você realmente deseja para 2018? Faça uma lista do que você aprecia, do que é irrelevante e do que você não gosta na sua atual realidade atual, e pense no que vai fazer com tudo isto que colocou nas listas. Eleja apenas um grande objetivo para 2018: um pessoal e um profissional. E trabalhe duro para conquistá-los.

Porque estes objetivos são importante para você?

Qual é o real valor destes objetivos? O que eles trarão de memorável para sua vida? Evite sucesso, realização, reconhecimento e dinheiro, eles são consequências.

Pare com as desculpas

Não tenho dinheiro, não tenho tempo, não consigo. Estas são afirmações nocivas, que criam barreiras mentais toda vez que são ditas. São hábitos de perdedores, não de pessoas que conquistam a vida e o trabalho que desejam.

Abandone estes comportamentos imediatamente e desenvolva foco, disciplina e persistência. Disciplina gera liberdade e não cabe para adultos ficar repetindo desculpas em vez de admitir suas lacunas de comportamento.

Jogue fora listas enormes de to dos

Crie uma lista de ações simples, com uma ação a cada semana, e cumpra. Isto dará a você uma sensação de vitória e de competência.

2018 do

Jogue fora listas enormes de ‘to dos’ (Crédito: Shutterstock)

Estude

O que você gostaria de aprender em 2018? Como isto pode ser útil para sua vida e sua carreira? Quanto investimento é necessário? Você tem reservas ? Cabe no orçamento? Planeje-se! (não se iluda, educação gratuita na rede é informação ou degustação. Não tem profundidade nem gera aprendizado sólido).

Elimine vícios de comportamento

Adiar, desorganizar-se, dispersar, desistir, deixar para amanhã… péssimo repertório. Ele compromete seu futuro. Faça um acordo honesto com você e pergunte a si mesmo: estas atitudes me afastam ou me aproximam do que quero?

Aceite as mudanças

O Brasil não voltará ao cenário anterior. O mundo mudou, evoluiu para a era digital. Você andou por onde enquanto isto aconteceu? Falando da crise, do quanto a vida está difícil, reclamando do governo? Tudo que nos ameaça capta nossa atenção, e o marketing e a mídia sabem disso. Não caia nessa.

Inove

O que você fará de diferente em 2018? Como pode incrementar sua vida e seu trabalho? Que papéis pode assumir socialmente ou profissionalmente?

2018 inove

Que papéis pode assumir socialmente ou profissionalmente em 2018? (Crédito: Shutterstock)

Seja proativo acima de tudo. Esta é uma atitude que leva você para o módulo da abundância da vida e da carreira. Olhe a vida de outra forma, sente em outras cadeiras, desafie seu jeito de pensar:

E se você, em vez de reclamar, elogiasse?

E se, em vez de rejeitar, você aceitasse?

E se, em vez de dizer que sim, dissesse que não? Ou vice versa?

E se você pedisse mais trabalho?

E se você tivesse dinheiro que precisa para fazer o que deseja?

E se você pudesse mudar as coisas e o mundo?

E se você fosse o CEO da empresa ou o presidente do Brasil?

E se você olhasse o mundo de fora do planeta, o que diria para a raça humana?

O que está na hora de dizer em VOZ ALTA para você mesmo?

O mundo precisa de pessoas verdadeiras, que erram, acertam, arriscam, abraçam a vida. Venha ser uma delas. Faça seu 2018 ser inédito!


Conecte-se na comunidade W – Aprender | Desenvolver | Transformar. Curso Planejamento Pessoal – 4 módulos.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Especialista em desenvolvimento estratégico de liderança. Coach para C-Suite PCC/ICF. Pesquisadora de Futurismo e Empresas Exponenciais. Estrategista na construção de novas culturas corporativas. Diretora da W Aceleradora de Transformação de Negócios.

Comentários no Facebook