exoesqueletos
Tecnologia

Exoesqueletos robóticos irão transformar o mundo como o conhecemos

Conheça a incrível história de Adam Gorlitsky

Em 2006, Adam Gorlitsky sofreu um acidente de carro terrível que o deixou paralisado da cintura para baixo. Na época, seus médicos afirmaram que ele jamais voltaria a andar novamente. Contudo, mal sabia Adam que, em menos de 10 anos, os exoesqueletos robóticos iriam mudar sua vida para sempre.

Em 2015, quando estava em um hospital em Charleston, Carolina do Sul (EUA), foi convidado a testar um dispositivo para tentar andar novamente. Embora se tratasse de um exoesqueleto com um nome pretensioso (ReWalker), Adam resolveu dar uma chance ao equipamento.

Foi quando, surpreendentemente, se levantou e deu seus primeiros passos em 10 anos.

exoesqueletos adam

Adam Gorlitsky dá seus primeiros passos com o ReWalk

Graças ao exoesqueleto ReWalker, produzido pela empresa ReWalk Robotics, Adam foi capaz de andar de novo. Aquele inovador equipamento não só era real, como poderia mudar sua vida para sempre:

Eu me senti vivo e que nada poderia me machucar. Era um sentimento de empoderamento. Eu estava finalmente no controle de algo que tinha sido tirado de mim por 10 anos: minhas pernas! – Adam Gorlitsky

Exoesqueletos robóticos

O ReWalker é uma prótese robótica computadorizada que detecta mudanças no centro de gravidade do usuário, reage a elas e toma uma série de passos habilmente orquestrados para imitar uma caminhada natural. Lançado pela ReWalk Robotics, o equipamento é leve e portátil e tem motores nas articulações do quadril e do joelho.

Desde que lançou o protótipo durante o ensaio clínico com Adam, a empresa vem se dedicando as aprimorar a tecnologia de seus exoesqueletos. O mais novo lançamento é o ReWalk Personal 6.0, um novo sistema alimentado por bateria que pode ser configurado especialmente para cada interessado.

exoesqueletos personal

ReWalk Personal 6.0

As iniciativas de Adam Gorlitsky

Para Adam Gorlitsky, era inegável a importância do ReWalker. O exoesqueleto tinha lhe trazido um sentimento de liberdade e confianças únicos, e recuperado a autoestima que não tinha há quase uma década.

Mas, ao mesmo tempo, Adam também sabia que o ReWalk Personal 6.0 possuía um alto (US$ 77.000,00). Para que pudesse mudar seu padrão de vida, deveria descobrir uma forma de reunir fundos para comprar o dispositivo.

Determinado a alcançar seus objetivos, Adam lançou, em 2015, uma campanha virtual para vender uma linha própria de camisetas (I Got Legs!). Embora a campanha não tenha cumprido o objetivo (US$ 16.695,00 de US$100.000,00), Adam conseguiu pagar parte do exoesqueleto e manter a qualidade de vida.

Mas a viagem de Adam não parou por aí.

Em 2016, ele decidiu participar da Cooper River Bridge Run, com o objetivo de aumentar a conscientização da incrível conquista tecnológica e médica. Para a surpresa de todos, em abril daquele ano Adam se tornou o primeiro homem paralisado a completar a corrida.

exoesqueletos Adam corrida

Adam percorreu 10km em Charleston

Documentário

Desde então, Adam juntou forças para contar a todos a história de como o Rewalker mudou sua vida, através do documentário I Got Legs: Or How I Learned to Stop Worrying and Love the Exoskeleton. O filme abordará não apenas a luta pessoal de Adam, mas seus esforços para ajudar todos aqueles que sofrem das mesmas incapacidades.

A companha de financiamento do projeto foi lançada há poucos dias no Kickstarter. Se conseguir atingir a meta de US$ 70.000 até maio de 2017, o documentário deverá ser lançado em algum momento de 2018.

O caso de Adam é um poderoso testemunho do potencial que os exoesqueletos robóticos possuem de transformar a vida das pessoas com deficiências físicas, e nos conduzem a um Futuro Exponencial de infinitas oportunidades.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Futuro Exponencial é um site dedicado a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade. Contate-nos: contato@futuroexponencial.com

Comentários no Facebook