Cultura

Como a arquitetura pode fortalecer as relações humanas

A maioria de nós costuma imaginar a arquitetura como sendo uma profissão destinada a projetar apenas edifícios e cidades. Mas, para a norte-americana Jeanne Gang, o que os arquitetos realmente projetam são relações humanas.

Em recente TED Talk, a arquiteta alertou para o fato de que os habitats urbanos estão completamente desequilibrados nos dias de hoje e, mais do que nunca, precisam ser repensados com urgência.

Questões climáticas, políticas e econômicas estão impactando os habitats de todo o globo, pressionando as cidades, as comunidades e as pessoas que nelas vivem.

Ao contrário de muitos profissionais da área, Jeanne e sua equipe têm uma perspectiva diferente de como aprimorar os habitats: aplicar os conhecimentos da Ecologia à arquitetura para transformar o espaço físico e criar relações mais fortes entre as pessoas.

Os ecólogos não olham apenas para espécies individualizadas, eles olham para as relações entre os seres vivos e o seu ambiente. Eles olham para como as diversas partes do ecossistema estão relacionadas, e é este equilíbrio, esta rede, que mantém a vida.Jeanne Gang

Edifícios privados como conectores sociais

De fato, a visão de Jeanne se materializou no ano de 2010, quando foi concluída a deslumbrante Aqua Tower. Em resumo, o arranha-céus, destinado a jovens profissionais urbanos, foi construído em Chicago (Illinois).

Com mais de 700 apartamentos, a Aqua Tower tem uma arquitetura planejada para ajudar os condôminos a conhecer seus vizinhos. Embora os apartamentos sejam organizados na dimensão vertical, as varandas funcionam como verdadeiros “conectores sociais”.

As varandas estão desencontradas. Pode-se debruçar sobre uma varanda e dizer “Olá!” como se faria num quintal. – Jeanne Gang

arquitetura aqua
As varandas “desencontradas” da Aqua Tower

Jeanne conta que teve de projetar diversos designs e estudar o vento com simulações digitais. O resultado final foi satisfatório: o formato das varandas confunde o vento, tornando-as mais confortáveis aos moradores.

O moderno arranha-céus está desempenhando um positivo efeito social na comunidade. Em síntese, os condôminos estão criando laços fortes e iniciando novos projetos.

O sucesso da Aqua Tower motivou Jeanne a projetar mais dois grandes “jardins orgânicos comunitários”, como o Folsom Bay Tower, em San Francisco (Califórnia) e o City Hyde Park, em Chicago (Illinois). A arquiteta, ao que tudo indica, não vai parar por aí.

Criando coesão social na arquitetura pública

Jeanne acredita que a arquitetura pública também melhorar a comunidade e fortalecer as relações humanas.

A norte-americana explica que, há cerca de 15 anos, Chicago construiu modelos idênticos de delegacias de polícia espalhados por toda a cidade, substituindo os anteriores, mas as comunidades não se adequaram ao novo formato.

Em North Lawndale – comunidade localizada no lado oeste de Chicago –, a delegacia de polícia é vista como uma fortaleza. Dessa forma, as pessoas têm medo se aproximar do local até mesmo para reportar um crime.

Pensando em reestruturar a confiança daquelas pessoas, Jeanne e sua equipe organizaram uma sessão de brainstorm com participação de membros da comunidade e policiais de North Lawndale, chegando a um novo modelo de delegacia: a Polis Station.

Polis é uma palavra grega que significa um local com sentido de comunidade. É baseado na ideia de que se aumentarmos as oportunidades de interações sociais positivas entre a polícia e os membros da comunidade, podemos reconstruir essa relação e ativar a vizinhança ao mesmo tempo. Jeanne Gang

Apoio da comunidade e da polícia

Com o apoio dos membros da comunidade e policiais, a equipe de Jeanne arrecadou fundos para projetar espaços ativos na parte pública da delegacia, como uma barbearia, um café comunitário e uma quadra esportiva próxima ao estacionamento.

arquitetura polis
Jeanne (de óculos) no café comunitário da Polis Station

A delegacia de polícia de North Lawndale, então considerada uma fortaleza assustadora, foi aprimorada em todos os sentidos. Agora, vem ajudando a reconstruir a confiança dos membros da comunidade.

Em síntese, antes as pessoas tinham medo de ir a qualquer lugar próximo à delegacia de polícia. Hoje, a quadra desportiva é vista pelos residentes de North Lawndale como um dos locais mais seguros, e fazem questão de que seus filhos brinquem nas redondezas.

Acredito que podemos fazer muito mais do que criar edifícios individuais. Podemos reduzir o stress e a polarização nos nossos habitats urbanos. Podemos criar relações. Podemos ajudar a estabilizar este planeta que partilhamos. – Jeanne Gang

Envolver o público é, sem dúvida, uma tarefa desafiadora. Mas, para Jeanne Gang, nada é impossível para os arquitetos. Enfim, são eles os verdadeiros construtores de relações.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER SEMANAL

Redação

Futuro Exponencial é um site que se dedica a cobrir os mais recentes avanços tecnológicos e seus potenciais impactos para o futuro da humanidade

ARTIGOS RELACIONADOS

Comentários no Facebook